COMO FACILITAR A ADAPTAÇÃO DO SEU FILHO A UMA NOVA ESCOLA

0Publicado em Aug 21, 2011 | Em Escola de Pais

A adaptação a uma nova escola é um processo que comporta  uma grande carga emocional tanto por parte das crianças como por parte das famílias, sobretudo dos pais. Sabemos, no entanto, pela teoria e pela prática, que as crianças são muito resilientes e têm normalmente uma reacção emocional em que a apreensão, a insegurança e o medo são geridos de uma forma surpreendente. Já os pais têm, por vezes, reacções menos controladas e a falta de domínio emocional, embora compreensível, junto das crianças pode dificultar e aumentar muito o período de adaptação à nova escola. Para facilitar este processo deixamos aqui algumas preciosas dicas que poderão fazer toda a diferença.

  • Ajude o seu filho a criar expectativas positivas sobre a nova escola.  Antes  ainda do início das aulas fale com o seu filho de uma forma positiva e entusiástica sobre a nova escola. Diga-lhe, por exemplo, o quanto vai ser espectacular, as muitas coisas que irá aprender e os novos amigos que irá fazer e com quem poderá brincar.  Evite, no entanto, demasiadas explicações, pois isso poderá gerar desconfiança e insegurança na criança.
  • Leve o seu filho à escola antes do início das aulas.  Leve-o a conhecer a escola, a educadora/professora e alguns colegas. Ao fazê-lo na sua presença sentir-se-à mais confiante, o que facilitará, posteriormente, a integração.
  • Fale sempre de uma forma positiva sobre a nova escola na presença da criança, ainda que haja algum pormenor que possa agradar-lhe menos. Muitas vezes são os pais que têm alguma dificuldade em se adaptar a novas situações, principalmente quando estas envolvem o seu “rebento”, e, ainda que de uma forma indirecta, transmitem a sua ansiedade e as suas dúvidas à criança. Lembre-se, certamente tomou todo o cuidado na escolha da nova escola para o seu filho. Após feita a escolha, nunca fale mal dela, nem mostre as suas dúvidas à vista da criança.
  • Fale com a educadora/professora do seu filho antes de ele entrar para a escola e faça um retrato psicológico com as suas principais caraterísticas. Estas preciosas informações vão ser guias muito valiosos para a educadora/professora e para a sua tranquilidade como pais.
  • Deixe o seu filho participar activamente na escolha dos materiais que irá levar para a escola e na arrumação da mochila onde os irá levar. Explique-lhe que, com aqueles materiais, irá fazer muitos trabalhos giros para lhe mostrar.
  • Permita que o seu filho escolha um pequeno brinquedo de que goste muito para ele levar para a escola nos primeiros dias. Assim, não só se sentirá mais seguro, como criará a associação de uma emoção positiva à experiência “nova escola”.
  • Faça uma adaptação progressiva à escola. Nos primeiros dias deixe o seu filho ficar na escola durante um período de tempo mais curto, por exemplo 1 a 2 horas.
  • Combine com a criança o horário a que a irá buscar à escola, e cumpra-o rigorosamente. Isso fará com que se sinta mais segura nos dias seguintes. Como a criança ainda não tem noção das horas diga-lhe, por exemplo, que a irá buscar antes da hora do almoço.
  • Não prolongue demasiado o momento da despedida. Depois de estar um pouco com a criança, diga-lhe que irá sair um pouco e que ela ficará ali com os novos amigos a brincar, despeça-se dela normalmente e diga-lhe quando irá regressar.
  • O choro no momento da separação acontece com alguma regularidade, isso não significa que a criança não goste de ficar na escola, mas que está a sentir que a mãe/pai se está a afastar. Os pais costumam ficar muito surpreendidos quando os educadores e professores lhes dizem, quase invariávelmente que as crianças pararam de chorar e ficaram bem alguns minutos depois de sairem, embora quase sempre recomecem quando vêem de novo os pais .
  • Valorize de forma entusiástica os primeiros trabalhos que a criança fizer na escola. Quando reforçamos positivamente algo que a criança fez ela tenderá a esforçar-se para continuar a fazê-lo, pois para a crinça é importante agradar às pessoas de quem mais gosta. Ao mesmo tempo é reforçada uma associação entre uma emoção positiva e a pópria escola, o que contribuirá para o sucesso e bem-estar da criança.

Lembre-se que os pais desempenham um papel fundamental na adaptação da criança à escola. Mostre-se tranquilo, sempre que tiver dúvidas fale com a educadora/professora do seu filho e não desista perante  a primeira dificuldade. Ao  mostrar à criança a sua calma e confiança também ela se sentirá mais calma  e confiante.

 

 

 

Add comment

Comments are closed.

top